Sexta, 14 de Agosto de 2020
(69) 992851851 - 993838164
Cidades Brasil

Soldado e filho de sargento da PM estão entre os 6 mortos no confronto com BOPE

O grupo tinha 3 pistolas, 3 revólveres, rádios de comunicação com a frequência da polícia e usavam máscaras.

29/07/2020 19h04
Por: Admin Fonte: Só Noticias
Soldado e filho de sargento da PM estão entre os 6 mortos no confronto com BOPE

A Polícia Militar confirmou que um soldado, de 30 anos, que estava lotado no 3º Batalhão de PM e o filho de um sargento estão entre os seis que foram mortos, hoje de madrugada, no bairro Itamaraty, próximo ao condomínio Belvedere, em Cuiabá. Ainda de acordo com a assessoria, a Corregedoria Geral de Polícia Militar que serão instaurados dois procedimentos para investigar a ação.

Uma delas será o Inquérito Policial Militar por se tratar de mortes por intervenção de agentes do Estado, terá como finalidade a apuração da ação policial que resultou nos óbitos. Já o outro investigará o furto da pistola .40, que estava cautelada pelo sargento e que pode ter sido furtada pelo filho morto no confronto.

O BOPE informou que os acusados estavam num Toyota Corolla e um VW Gol – possivelmente alugado. O grupo tinha 3 pistolas, 3 revólveres, rádios de comunicação com a frequência da polícia e usavam máscaras. O veículo blindado ia na frente para garantir a proteção dos demais.

Quando eles foram cercados pelos militares, em uma estrada vicinal de terra, houve um tiroteio, em que inicialmente 5 deles foram atingidos e morreram no local. Quando amanheceu, os policiais viram a sexta vítima, caída na entrada do matagal, na tentativa de fugir após ser baleado.

Um dos homens mortos usava tornozeleira eletrônica e outro tinha colete à prova de balas. Outros homens fugiram pela mata e são procurados.

O local onde ocorreu o confronto também foi analisado pela Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec). A Polícia Civil também investigará as versões apresentadas.





* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias