Nosso super mercado1
policia
Ex-morador de Jaru morre após ser baleado na cabeça em zona rural de Monte Negro
Brasil
05/02/2019 20h05Atualizado há 3 meses
Por: Admin
Fonte: Anoticiamais
434

O suposto roubo seguido de morte ocorreu na noite de segunda-feira (04), no Km 25 da Linha C-25, próximo ao Assentamento Amir Lando, zona rural de Monte Negro, no interior de Rondônia.

A Polícia Militar, após receber a denúncia de um homem baleado, solicitou o atendimento do hospital e faz o deslocamento até o endereço supracitado do crime. No local fora constatado o óbito de Sandro de Souza Lima, conhecido popularmente como “Sandrão”. Diante dos fatos a área foi isolado para perícia.

De acordo com as informações, a vítima estava dentro da residência quando foi intimado a sair para fora da mesma, já na varanda, Sandro recebeu disparos de arma de fogo, o qual tentou fugir, mas o atirador o perseguiu, realizando outros disparos que culminou na sua morte. Uma motocicleta Honda Bros ano 2003 de cor azul foi levada na ação criminosa.

A esposa e crianças da vítima se esconderam no interior da casa no momento do crime, logo após, ela saiu correndo pela estrada em busca de socorro a seu marido.

O site acompanhou os trabalhos da Polícia Técnica Criminal (Politec), no qual foi identificado seis perfurações, sendo três na cabeça, uma nas costas, uma no peito e outra na mão. Após os trabalhos periciais, o corpo fora liberado ao IML de Ariquemes.

O delegado Dr. João Gustavo juntamente com sua equipe da Delegacia de Polícia Civil de Monte Negro esteve no local coletando informações para as investigações acerca do caso.

 
Sandro já foi morador de Jaru, onde trabalhou por vários anos na fazenda de um empresário local.

Homem morre apos ser baleado na cabeça em zona rural de Monte Negro, em RO

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários